Retaliação da China só piorará as coisas, diz Trump

Por Cristiana Euclydes

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump. Foto: Divulgação/ Departamento de Estado dos Estados Unidos

São Paulo – O presidente norte-americano, Donald Trump, disse que o presidente chinês, Xi Jinping, tinha em mãos um ótimo acordo comercial e recuou, e alertou que se Pequim retaliar cotra as tarifas norte-americanas, a situação só vai piorar.

“Eu digo abertamente ao presidente Xi e a todos os meus muitos amigos na China que a China vai se prejudicar muito se você não fizer um acordo porque as empresas serão forçadas a deixar a China para outros países. Muito caro comprar na China. Você teve um grande acordo, quase concluído, e você recuou!”, disse Trump, em publicação no Twitter.

As negociações comerciais entre os dois países estão paralisadas, após a última rodada de conversas, em Washington, terminar sem um acordo. Na sexta-feira, Trump elevou as tarifas de 10% para 25% a US$ 200 bilhões em bens chineses, e iniciou o processo para aplicar tarifas a produtos antes isentos. A China prometeu retaliar.

“Não há razão para o consumidor norte-americano pagar as tarifas, que entram em vigor hoje na China. Isso foi comprovado recentemente, quando apenas 4 pontos foram pagos pelos Estados Unidos, 21 pontos pela China, porque a China subsidia o produto em um grau tão alto”, disse Trump, em outra publicação hoje mais cedo.

“Além disso, as tarifas podem ser completamente evitadas se você compra de um país não-tarifado, ou se você compra o produto dentro dos Estados Unidos (a melhor ideia). Isso é tarifa zero. Muitas empresas taxadas deixarão a China para o Vietnã e outros países da Ásia. É por isso que a China quer tanto fazer um acordo!”

Trump disse ainda que “não haverá mais ninguém na China para fazer negócios. Muito ruim para a China, muito bom para os Estados Unidos! Mas a China tem se aproveitado os Estados Unidos há tantos anos, que estão muito à frente (nossos presidentes não fizeram o trabalho). Portanto, a China não deve retaliar – só vai piorar!”.

Ontem à noite, Trump havia dito pelo Twitter que a China está torcendo para ele perder as eleições presidenciais norte-americanas de 2020. “A China está sonhando que ‘sleepy’ Joe Biden, ou qualquer um dos outros, seja eleito em 2020. Eles amam prejudicar a América!”. Biden é pré-candidato democrata à presidência dos Estados Unidos.

Trump também defendeu, no domingo, sua estratégia de negociação com a China. “Estamos onde queríamos estar com a China. Lembrem-se, eles quebraram o acordo conosco e tentaram renegociar. Levaremos dezenas de bilhões de dólares em tarifas da China”, afirmou, acrescentando que o dinheiro será gasto com fazendeiros norte-americanos e agricultura.

Na sexta-feira, no fim da tarde, Trump disse que as negociações com a China iam continuar. Ontem, o assessor econômico da Casa Branca, Larry Kudlow, disse que Trump vai se encontrar com Xi Jinping, em junho, na reunião do G-20 (grupo que reúne economias mais industrializadas e países emergentes) no Japão.

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com