Planalto deve liberar saques de contas do FGTS, diz Hasselmann

Por Gustavo Nicoletta

São Paulo – A líder do governo no Congresso, deputada Joice Hasselmann (PSL-SP), disse que o governo pretende liberar os saques de parte das contas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) e também de pagamentos do PIS/Pasep para injetar aproximadamente R$ 63 bilhões na economia.

Em sua conta no Twitter, a deputada disse também que a liberação de recursos do FGTS ocorrerá de forma “escalonada”. Aqueles que tem até R$ 5 mil nas contas do FGTS poderiam sacar até 35% do valor, enquanto os que possuem mais de R$ 10 mil teriam direito a sacar 10%.

A possibilidade de liberação de recursos do FGTS já havia sido mencionada pelo ministro da Economia, Paulo Guedes, como uma das medidas que o governo provavelmente adotaria para estimular a economia no curto prazo.

O governo do presidente Michel Temer usou recurso semelhante, permitindo que os trabalhadores sacassem recursos de contas inativas do Fundo. No caso do governo, a expectativa é de que também seja permitido o saque de valores mantidos nas contas ativas.

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com