Parlamento britânico rejeita pela segunda vez todas as opções ao Brexit

Foto: Jessica Taylor / UK Parliament

São Paulo – O parlamento britânico rejeitou pela segunda vez todas as alternativas ao processo de saída do Reino Unido da União Europeia (UE), o chamado Brexit. Assim como na primeira votação, ocorrida na quarta-feira passada, a opção “C” que previa a permanência do país na união aduaneira chegou perto de obter maioria, sendo rejeitada por 276 a 273.

A opção “D”, que propunha a criação de um mercado comum 2.0, foi rejeitada por 261 votos a 282, enquanto a opção “E”, que previa um voto público de confirmação para qualquer decisão tomada sobre o Brexit, foi barrada por 292 votos a 280.

Além delas, a opção “G”, que previa a revogação do Artigo 50 do Tratado de Lisboa, que determina a saída de um membro da União Europeia (UE), foi rejeitado por 292 a 191.

Na sexta-feira, o parlamento britânico rejeitou pela terceira vez o acordo proposto pela primeira-ministra britânica, Theresa May, e fez com que o prazo de saída do Reino Unido da UE passasse para o dia 12 de abril. Originalmente, a data era 29 de março.

As autoridades europeias devem se reunir no dia 10 de abril para discutir o Brexit e é provável que ampliem ainda mais a data de separação dos britânicos da UE.

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com