Pacto entre Poderes será assinado em junho, diz Onyx

Por Gustavo Nicoletta

Rodrigo Maia e Onyx Lorenzoni
O deputado Rodrigo Maia e o ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, durante sessão de posse dos Deputados Federais para a 56ª Legislatura. (Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil)

São Paulo – Os chefes dos Três Poderes devem formalizar no mês que vem um pacto em prol de medidas de interesse da população, afirmou o ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, após reunião entre o presidente Jair Bolsonaro e os presidentes do Supremo Tribunal Federal (STF), Dias Toffoli, da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), e do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP).

“A ideia é ter um conjunto de metas ou ações que os poderes vão juntos poder buscar”, disse ele em entrevista após a reunião. Segundo ele, o documento deve ser assinado até a semana de 10 de junho e deve mencionar a necessidade de se fazer uma reforma na Previdência.

O encontro entre os líderes dos Poderes ocorreu dias depois de manifestações de rua em defesa do presidente Jair Bolsonaro e das propostas econômicas do governo.

As passeatas também criticaram os políticos do Legislativo – em particular Maia e os partidos do chamado ‘centrão’, bloco informal e majoritário no Congresso, embora tanto na Câmara quanto no Senado os representantes do centrão tenham defendido reformas econômicas e se comprometido a blindar estas medidas de efeitos colaterais decorrentes de desentendimentos com o Executivo.

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com