México e Estados Unidos terminam primeira reunião sem acordo sobre tarifas

Por Carolina Pulice

muro
Bandeiras dos Estados Unidos e do México na Patrulha de Fronteira dos Estados Unidos, em McAllen, no Texas. Foto: Divulgação/ Casa Branca

São Paulo – O México e os Estados Unidos não conseguiram nenhum tipo de acordo sobre as tarifas anunciadas pelo presidente norte-americano, Donald Trump, sobre os produtos provenientes do país latino-americano, informou a “NBC News”. As informações são da agência “Sputnik”.

O vice-presidente dos Estados Unidos, Mike Pence, e o minitro de Relações Exteriores do México, Marcelo Ebrard, não alcançaram um acordo sobre o tema das tarifas, disse um funcionário do governo norte-americano à “NBC”.

Na semana passada, Trump ameaçou aplicar a partir do dia 10 de junho, 5% de tarifas sobre os produtos importados do México, se o país não resolvesse a entrada massiva de imigrantes ilegais no território norte-americano.

Pelo Twitter, o presidente Trump confirmou a informação, dizendo que o progresso “está sendo feito”. “As discussões sobre imigração na Casa Branca com representantes do México acabaram por hoje. Progresso está sendo feito, mas nem perto de ser o suficiente. As prisões nas fronteiras em maio foram de 133 mil porque o México e os democratas do Congresso se recusam a construir uma mudança na imigração”, disse.

Ele confirmou ainda que as conversar com o México vão continuar. “Mais conversar com o México vão continuar com a consciência de que, se nenhum acordo for alcançado, as tarifas de 5% vão ser aplicadas na segunda-feira, com um aumento mensal agendado. Quanto mais alto as tarifas forem, maior o número de companhias que vão voltar para os Estados unidos”, completou.

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com