Mester, do Fed, diz que é cedo para determinar rumo da taxa de juros

Por Carolina Gama

São Paulo – A presidente da unidade do Federal Reserve (Fed, o banco central norte-americano) de Cleveland, Loretta Mester, disse que ainda é cedo para determinar a trajetória da taxa de juros nos Estados Unidos, mas indicou que o afrouxamento se justificaria diante da deterioração das perspectivas econômicas.

Presidente da unidade do Federal Reserve de Cleveland, Loretta Mester/Foto: Flickr/Pennsylvania Association of Community Bankers

Atualmente, a taxa de juros está na faixa entre 2,25% e 2,50% ao ano. “Acredito que seja cedo demais para fazer uma determinação, e prefiro reunir mais informações antes de considerar uma mudança em nossa política monetária “, disse Mester em discurso preparado para evento em Londres.

Segundo Mester – que este ano não tem direito a voto – é preciso ver o enfraquecimento dos dados de emprego, novas quedas na atividade manufatureira, indicadores apontando para um investimento e consumo menores e redução das leituras de expectativas de inflação em longo prazo.

E em tal ambiente, “nossa taxa de política pode precisar mover-se para baixo a fim de sustentar a expansão e promover o alcance de nossas metas de longo prazo de pleno emprego e estabilidade de preços”, afirmou.

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com