Merkel rebate Trump e reafirma independência da Alemanha

11/07/2018 14:44:58

Por: Carolina Gama / Agência CMA

Angela Merkel, chanceler da Alemanha (Divulgação/Otan)

São Paulo – A chanceler alemã, Angela Merkel, defendeu a independência de seu país após o presidente norte-americano, Donald Trump, afirmar que Berlim está sob influência da Rússia.

“Estou muito feliz hoje porque estamos unidos em liberdade como República Federal da Alemanha e podemos determinar nossa própria política e tomar nossas decisões”, disse Merkel a repórteres, sem mencionar diretamente os comentários de Trump.

Mais cedo, o presidente norte-americano acusou a Alemanha de ser refém da Rússia por conta da dependência das importações de gás e do apoio à construção do Nord Stream 2 – um gasoduto marítimo que transportará gás da Rússia através do mar Báltico.

Em reunião com o secretário-geral da Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan), Jens Stoltenberg, Trump disse que o apoio alemão ao projeto é “triste”. “Deveríamos nos proteger da Rússia em um momento no qual a Alemanha decide pagar milhões de dólares a eles”, afirmou Trump.

Merkel também aproveitou para defender a contribuição da Alemanha à Otan, após Trump afirmar que Berlim destinava pouco dinheiro à aliança. “A Alemanha faz muito pela Otan. É o segundo maior fornecedor de tropas, defendendo inclusive o interesse dos Estados Unidos”, completou Merkel.

Edição: Pâmela Reis (pamela.reis@cma.com.br)

Deixar um comentário