Lucro líquido soma R$ 171 milhões no 2T19

Por Allan Ravagnani

São Paulo – A Usiminas obteve um lucro líquido de R$ 171 milhões no segundo trimestre, após prejuízo líquido de R$ 19 milhões no mesmo período de 2018. Segundo a empresa, deve-se à receita financeira decorrente da reversão de juros sobre passivos contingentes no período, em função de decisões favoráveis à companhia e por encerramentos de processos por acordos efetuados

A receita líquida aumentou 4,6%, para R$ 3,694 bilhões, principalmente em função dos maiores preços de minério de ferro e aço no período e de maiores volumes de venda de aço.

O ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) somou R$ 570 milhões no trimestre, alta de 15,3% ante o mesmo trimestre de 2018. O ebitda ajustado, que inclui resultados de controladas e reverte os resultados de operações descontinuadas, aumentou 11%, para R$ 576 milhões.

As despesas com vendas totalizaram R$ 71 milhões, contra R$ 67 milhões no primeiro trimestre, uma elevação de R$4 milhões, em função principalmente de maiores custos de distribuição e comissões. As despesas gerais e administrativas foram de R$ 110 milhões, uma elevação de 9%, em função de maiores despesas com pessoal. Outras despesas operacionais foram negativas em R$133 milhões. Dessa forma, a margem operacional ficou em 7,9% no trimestre.

Além disso, a empresa alterou seu guidance para 2019, prevendo investimentos da ordem de R$ 800 milhões no ano e os gastos com despesas financeiras de R$ 387 milhões.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com