Lucro da Fiat Chrysler cai 38,02% no 3T18, para 564 mi de euros

30/10/2018 14:49:37

Por: Carolina Gama / Agência CMA

Logotipo da Fiat, uma das marcas do grupo Fiat Chrysler. (Foto: Divulgação/Fiat)

São Paulo – Fiat Chrysler Automobiles (FCA) registrou lucro líquido de 564 milhões de euros no terceiro trimestre do ano, o que representa uma queda de 38,02% em relação ao mesmo período do ano anterior. Na mesma base de comparação, a receita líquida somou US$ 28,771 bilhões, um crescimento de 8,92%.

Os resultados incluem a Magneti Marelli, unidade de autopeças da companhia que foi vendida no final do mês passado por US$ 6,2 bilhões de euros a um grupo japonês.

A queda do lucro, segundo a empresa, reflete uma multa no valor de 700 milhões de euros relacionada a questões de emissões de poluentes em veículos a diesel nos Estados Unidos. Na contramão, o lucro ajustado subiu 51,41%, para US$ 1,396 bilhão, devido a uma performance operacional mais forte e à redução de despesas financeiras e com impostos.

Na América Latina, o lucro operacional ajustado totalizou 83 milhões de euros entre julho e setembro, o que representa um aumento de 40,68% em base anual, com aumento de participação em mercados como o Brasil e a Argentina. A receita, por sua vez, encolheu 6,24%, para 1,983 bilhão de euros, com efeitos negativos do câmbio, que ofuscaram parcialmente os embarques maiores e os preços mais elevados.

As vendas consolidadas no terceiro trimestre somaram 1,125 milhão de unidades, um avanço de 7% ante igual período de 2017. Para todo o ano de 2018, a Fiat Chrysler confirmou suas projeções operacionais. A empresa espera receita líquida entre 115 bilhões de euros e 118 bilhões de euros e lucro líquido ajustado de cerca de 5 bilhões de euros. Edição: Pâmela Reis ([email protected])

 

Deixar um comentário