Lucro cai no 2T19 impactado por despesas pela aquisição da Somos

Por Allan Ravagnani

São Paulo – O lucro líquido ajustado da Kroton Educacional caiu 44,2% no segundo trimestre ante o mesmo período de 2018, somando R$ 266,969 milhões, impactado pelas despesas financeiras da aquisição da Somos e um maior nível de depreciação derivado de investimentos realizados nos últimos anos.

A receita líquida da companhia no trimestre somou R$ 1,742 bilhão, aumento de 14,2% na comparação anual, em razão da aquisição da Somos.

O ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) somou R$ 624,7 milhões, queda de 4,3% ante o segundo trimestre do ano passado. A margem ebitda ficou em 35,9%, recuo de 4,9 pontos percentuais (pp) na comparação anual.

A Kroton contabilizou 361.424 alunos ao final do trimestre, considerando todos os alunos de graduação e pós-graduação, no ensino presencial, o que representa redução de 8,2% ante o mesmo período de 2018.

Na graduação presencial, o número de alunos caiu 8,4%, enquanto na pós-graduação houve alta de 2,2% no número de estudantes.

EAD

Na modalidade do EAD (Ensino a Distância), a Kroton registrou queda de 3% no trimestre, na comparação anual, com 526.946 estudantes na graduação e na pós-graduação. Na graduação a distância houve queda de 4,5%, enquanto na pós-graduação verificou-se aumento de 25,6% na base de alunos.

TOTAL

O total de alunos da Kroton caiu 5,2%, somando presencial e EAD, totalizando 888.370 estudantes ao fim do segundo trimestre, ante uma base de 936.888 um ano antes, e 960.941 no primeiro trimestre do ano.

EVASÃO

A evasão de alunos no ensino presencial cresceu 6,8% no trimestre, enquanto a evasão no EAD registrou avanço de 8,3%, na comparação anual.

Essa queda na base de alunos reflete o maior número de formaturas no período em razão das fortes captações de 2013 e 2014, além da mudança no perfil da base, com a queda no número de alunos FIES (que tradicionalmente, apresentavam menor evasão) e com o aumento dos alunos matriculados na modalidade 100% online de EAD (que possuem maior propensão a evadir).

Adicionalmente, a manutenção de um alto nível de desemprego e a lenta recuperação econômica também contribuem para pressionar os indicadores de evasão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com