Julgamento de Cristina Kirchner é marcado para 21 de maio

Por Rafaela Aguiar e Julieta Marino

Buenos Aires, 23 de abril de 2019 – A ex-presidente da Argentina, Cristina Kirchner, enfrentará seu primeiro julgamento em 21 de maio por conta de irregularidades em obras públicas em Santa Cruz, província localizada no sudeste do país. A data original era 26 de fevereiro, mas a morte do deputado Jorge Tassara adiou o processo.

Cristina Kirchner, ex-presidente da Argentina/ Foto: www.cfkargentina.com

A definição do novo prazo acontece após a Câmara Federal de Cassação Penal decidir ontem não acumular em apenas um tribunal os julgamentos da ex-presidente por irregularidades em obras públicas e por pagamento de propina e lavagem de dinheiro, um caso conhecido como “Los Sauces”.

No “Los Sauces”, além de Kirchner, seus filhos Máximo e Florencia, e os empresários detidos Lázaro Báez, Cristóbal López e Fabián De Sousa estão entre os acusados.

Kirchner atualmente é senadora e também concorre à presidência argentina. Ela está sendo processada em dez casos, incluindo dólar futuro, memorando, Los Sauces, Hotesur e obras públicas.

No julgamento do dia 21 de maio, ela é apontada como chefe de uma associação ilícita que beneficiou as empresas do grupo Báez com a atribuição de 85% da obra pública em Santa Cruz durante o kirchnerismo.

Tradução: Carolina Pulice

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com