INPC desacelera e sobe 0,01% em junho, aponta IBGE

Por Flávya Pereira

São Paulo – O Indice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) registrou ligeira alta de 0,01% em junho, desacelerando-se em relação à alta de 0,15% em maio, informou o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Com isso, o INPC acumula altas de 2,45% no ano e de 3,31% nos últimos 12 meses, até o mês passado, desacelerando da alta de +4,78% no período até maio. Os preços dos produtos alimentícios caíram 0,18% em junho, frente ao resultado de -0,59% em maio, enquanto os preços de itens não-alimentícios desaceleraram a +0,09% em junho, de +0,48% no mês anterior.

Entre as regiões, o menor índice foi registrado em São Luís (-0,42%), influenciado pela queda nos preços do tomate (-6,91%) e das carnes (-2,21%). Já o maior índice foi observado na região metropolitana de Vitória (+0,56%), puxado pela energia elétrica (+4,80%). No acumulado do ano, a maior taxa foi em Fortaleza (+3,41%) e a menor registrada em Brasília (+1,75%).

Em São Paulo, o INPC desacelerou da alta de 0,22% em maio para queda de 0,08% no mês passado. No ano, a capital paulista acumula alta de 2,37%. O INPC refere-se às famílias com rendimento de um a cinco salários mínimos.

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com