Indicador antecedente de emprego atinge maior nível desde 2008

10/10/2017 16:15:45

Por: Gustavo Nicoletta

São Paulo – O Indicador Antecedente de Emprego (IAEmp) da Fundação Getulio Vargas (FGV) subiu 2,4 pontos em setembro na comparação com o mês anterior e atingiu 100,6 pontos – o maior nível da série histórica, iniciada em junho de 2008. No ano, o indicador acumula ganho de 10,6 pontos.

Segundo a FGV, parte do resultado positivo reflete a fraca base de comparação, visto que nos últimos dois anos os números de emprego no Brasil foram negativos por causa da recessão econômica.

Procura por emprego no centro de São Paulo (Foto: Marcos Santos /USP Imagens)

“Os melhores dados da atividade econômica sustentam o otimismo dos empresários para a retomada de contratações nos próximos meses”, disse Fernando de Holanda Barbosa Filho, economista do Instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getulio Vargas (Ibre FGV).

“A perspectiva de um crescimento maior do que o esperado anteriormente, para 2017 e 2018, reforça este otimismo. O emprego deve continuar avançando nos próximos meses”, acrescentou.

O Indicador Coincidente de Desemprego (ICD), porém, recuou 0,5 ponto em setembro ante agosto, após duas altas mensais consecutivas, para 97,6 pontos. “Apesar da tendência de queda do desemprego, este deve continuar em níveis elevados nos próximos meses. O ICD mostra este mercado de trabalho ainda difícil, mas com tendência de melhora”, disse Barbosa Filho.

Deixar um comentário