Herman Cain não será indicado por Trump a conselho do Fed

Por Carolina Gama

São Paulo – Herman Cain, um ex-executivo do setor de restaurantes, não deve mais ser indicado a uma vaga no conselho do Federal Reserve (Fed, o banco central norte-americano) pelo presidente dos Estados Unidos, Donald Trump.

Federal Reserve
Prédio do Federal Reserve em Washington (Federal Reserve/Divulgação)

“Meu amigo Herman Cain, um homem verdadeiramente maravilhoso, pediu que não o indicasse para um assento no conselho do Federal Reserve. Vou respeitar seu desejo. Herman é um grande norte-americano que ama verdadeiramente o nosso país!”, disse Trump no Twitter.

O pedido de Cain acontece após uma entrevista concedida na última quarta-feira ao The Wall Street Journal no qual ele negava a intenção de retirar seu nome da disputa por um assento no conselho do Fed diante da aparente falta de apoio no Senado para uma confirmação.

Na ocasião, Cain afirmou que o banco central norte-americano precisava de novas vozes e classificou o Fed como apressado no aumento da taxa de juros no passado.

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com