Governo dos EUA endurece regras para a concessão de cidadania

Por Carolina Gama

São Paulo – Os imigrantes que estão nos Estados Unidos legalmente e que usarem qualquer tipo de programa social oferecido pelo governo não poderão receber o green card – autorização que transforma um estrangeiro em cidadão norte-americano.

Foto: Oscar Murgui / FreeImages.com

Com isso, o uso de um programa de benefícios, como o Medicaid, auxílio-moradia ou vale-refeição, podem agora desqualificar um candidato ao green card, de acordo com o diretor interino dos Serviços de Cidadania e Imigração dos Estados Unidos, Ken Cuccinelli.

A mudança de regra aumenta a definição de quem é susceptível de se tornar uma “carga pública”, designação que impede um imigrante de obter residência permanente legal e que também é usada pelos departamentos de Justiça e de Estado para determinar quais imigrantes podem ser expulsos do país ou impedidos de entrar.

Segundo Cuccinelli, a nova regra tem o benefício de longo prazo de proteger os contribuintes, garantindo que as pessoas que entrem nos Estados Unidos não se tornem ‘cargas públicas’.

“Nossos estudos mostram que um imigrante que chega hoje ao país depende exclusivamente da ajuda de familiares ou do governo e não é isso que queremos”, afirmou.

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com