Governo confirma nome de Montezano para presidente do BNDES

Por: Wilian Miron

Brasília – O Ministério da Economia confirmou nome de Gustavo Montezano para presidente do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). Montezano substitui Joaquim Levy, que pediu demissão no domingo após o presidente Jair Bolsonaro afirmar que ele estava com “a cabeça a prêmio”.

Gustavo Montezano é o atual secretário-adjunto da Secretaria de Desestatização e Desinvestimento. É mestre em Economia pela Faculdade de Economia e Finanças (IBMEC-RJ) e graduado em Engenharia pelo Instituto Militar de Engenharia (IME-RJ). Atuou como COO da ECTP (BTG Commodities), baseado em Londres, e anteriormente era o sócio diretor do BTG Pactual responsável pela divisão de crédito corporativo e estruturados, em São Paulo. Iniciou sua carreira como analista de Private Equity no Opportunity no Rio de Janeiro.

O porta-voz da Presidência, Otávio Rêgo Barros, leu uma nota na qual o presidente afirma que a “substituição de um titular é considerada uma situação normal em função do interesse público e capacidade de colocar os projetos em andamento com vistas a atingir os resultados estabelecidos anteriormente”.

Entre as metas, a nota trouxe a devolução dos recursos do banco para o tesouro nacional. Além de afirmar que se deve aumentar os investimentos em infraestrutura e saneamento e ajudar a reestruturar o banco, apontando para onde foram investidos em Cuba e na Venezuela, por exemplo.

O nome de Montezano ainda precisa ser confirmado pelo Conselho de Administração do BNDES.

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com