Fed aumentou taxa de juros muito e muito cedo, diz Trump

Por Carolina Pulice

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump. Foto: Divulgação/ Casa Branca

São Paulo – O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, fez sua segunda crítica declarada ao Federal Reserve (Fed, o banco central norte-americano), afirmando que um pequeno corte da taxa de juros não será o suficiente, mas que mesmo assim a economia do país vai crescer, e o país “vai ganhar”.

“O Fed aumentou [a taxa de juros] muito e muito cedo. Seu aperto monetário foi outro grande erro. Enquanto nosso país está indo bem, a potencial geração de riquiza foi perdida, especialmente quando comparada à nossa dívida, é impressionante”, disse em seu Twitter.

“Estamos competindo com países que sabem como jogar o jogo contra os Estados Unidos. É por isso que a União Europeia foi formada, e para a China, até agora, os Estados Unidos foi um ‘competidor fácil'”, completou.

A crítica é uma referência aos aumentos da taxa de juros feitos pelo Fed no ano passado. De acordo com Trump, o banco central fez “todos os movimentos errados”.

A decisão de política monetária do banco central norte-americano acontece nesta quarta-feira. Analistas esperam um corte de 0,25 ponto percentual. Para Trump, um “pequeno corte não é suficiente”, mas que o país “vai ganhar de qualquer jeito”.

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com