EUA proíbem empresas norte-americanas de fazerem negócios com Huawei

São Paulo – O Departamento do Comércio dos Estados Unidos colocou a empresa chinesa Huawei Tecnologies e suas afiliadas em uma lista negra de equipamentos de telecomunicações, proibindo-as de fazer negócios com empresas norte-americanas devido a riscos de segurança.

O secretário do Comércio, Wilbur Ross, disse por meio de nota que a decisão visa a “impedir que a tecnologia norte-americana seja usada por entidades de propriedade estrangeira de maneiras que possam prejudicar a segurança nacional dos Estados Unidos ou seus interesses de política externa”.

Segundo o comunicado, a venda ou transferência de tecnologia norte-americana para uma empresa ou pessoa da lista negra requer uma autorização especial do Departamento do Comércio, e a licença pode ser negada se a operação prejudicar a segurança ou os interesses de política externa dos Estados Unidos.

Antes da divulgação da lista, o presidente do país, Donald Trump, havia assinado uma ordem executiva declarando emergência nacional de tecnologia, proibindo companhias do país de usar equipamentos de telecomunicações e serviços de empresas de países adversários, que representem riscos de segurança nacional.

No decreto, Trump não especificou o nome de nenhuma empresa ou país, mas a empresa chinesa Huawei tem sido alvo de uma campanha do presidente norte-americano para marginalizá-la nos mercados globais, acusando-a de espionagem e de representar riscos à segurança.

Cristiana Euclydes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.