Emprego na construção cresce 2,89% no semestre, aponta SindusCon

Por Allan Ravagnani

São Paulo – A construção civil brasileira criou 14.828 empregos no mês de julho na comparação com junho, uma alta de 0,64%. No primeiro semestre, foram criadas 65.727 vagas, alta de 2,89%. Ao final de junho, o setor empregava 2.338.204 trabalhadores em todo o país.

Com dados dessazonalizados, o emprego na construção civil teria registrado crescimento de +0,47% em junho (+10.988 postos de trabalho). Os dados são da pesquisa mensal do Sindicato da Indústria da Construção Civil do Estado de São Paulo (SindusCon-SP) realizada em parceria com a Fundação Getulio Vargas (FGV), com base em informações do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) do governo federal.

SEGMENTAÇÃO

Em junho, comparado com o mês anterior, o emprego no segmento de Obras de Acabamento foi o único que apresentou variação negativa -0,26%. Todos os demais segmentos da construção registraram crescimento, sendo os mais significativos: Infraestrutura (+1,79%), Preparação de terreno (+1,15%), Serviços de Engenharia e Arquitetura (+0,68%) e Incorporação de imóveis (+0,08%).

REGIÕES

Em relação às regiões do país, em junho todas apresentaram variação positiva na comparação com o período anterior: Norte (+1,81%), Nordeste (+1%), Centro-oeste (+0,61%), Sudeste (0,58%), Sul (+0,03%).

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com