Cresce atividade do setor de serviços da China

São Paulo – O índice dos gerentes de compras (PMI, na sigla em inglês) sobre a atividade do setor de serviços da China subiu para 54,4 pontos em março, de 51,1 pontos em fevereiro, para seu maior nível desde janeiro de 2018, de acordo com dados do instituto de pesquisas IHS Markit e do grupo de mídia Caixin.

Leituras acima de 50 pontos sugerem expansão da atividade, enquanto valores menores apontam contração. O PMI composto, que agrega dados sobre a atividade dos setores industrial e de serviços, subiu para 52,9 pontos em março, de 50,7 pontos em fevereiro.

As empresas de serviços registraram um aumento sólido nos novos pedidos, para seu maior nível em mais de um ano, com uma recuperação na demanda de clientes estrangeiros. As novas vendas de exportação aumentaram para a segunda taxa mais forte desde dezembro de 2017, em meio a relatos de maior atividade nos mercados internacionais.

O emprego também acelerou em março. Como reflexo de melhorias nas condições gerais de demanda, a confiança dos negócios aumentou em março, para sue maior nível em três meses, mas as expectativas permanecem fracas em comparação com a média de longo prazo.

“Em geral, os fundamentos econômicos da China se recuperaram março”, disse o diretor de análise macroeconômico do CEBM Group, Zhengsheng Zhong.

“No entanto, o sentimento de negócios permaneceu cauteloso e a inflação foi moderada”, acrescentou ele.

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com