Corte na taxa básica de juros dos EUA pode vir em breve, diz Bullard, do Fed

Federal Reserve
Prédio do Federal Reserve em Washington (Federal Reserve/Divulgação)

Por Cristiana Euclydes

São Paulo – O Federal Reserve (Fed, o banco central norte-americano) pode cortar a taxa básica de juros do país em breve, disse o presidente da unidade do Fed de Saint Louis, James Bullard, em texto preparado para discurso em um evento em Chicago.

“O Comitê Federal de Mercado Aberto (Fomc, na sigla em inglês) enfrenta uma economia que deverá crescer mais lentamente no futuro, com algum risco de que a desaceleração possa ser mais acentuada do que o esperado devido à incerteza atual do regime de comércio global”, disse ele.

“Tanto a inflação quanto as expectativas de inflação permanecem abaixo
da meta, e os sinais da curva de juros do Tesouro parecem sugerir que a atual fixação da taxa de juros é inapropriadamente alta” acrescentou Bullard.

Assim, “um ajuste na taxa de política para baixo pode ser necessário em breve para ajudar a voltar a centralizar as expectativas de inflação e a inflação na meta e também para fornecer algum seguro em caso de uma desaceleração mais acentuada do que o esperado”, concluiu.

Este ano, Bullard é membro votante do Fomc. Na reunião mais recente, terminada em primeiro de maio, o comitê manteve a taxa básica de juros do país inalterada no intervalo entre 2,25% e 2,5%, e o presidente do Fed, Jerome Powell, disse que não vê motivos para mover os juros em qualquer direção.

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com