Comissão da Câmara deve votar reforma até quinta-feira, diz Maia

Por Gustavo Nicoletta

São Paulo – O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), disse que a comissão especial que analisa a reforma da Previdência deve votar o parecer sobre a medida até quinta-feira (27) e reiterou que o plenário da Casa deve deliberar sobre o assunto na primeira quinzena de julho.

Rodrigo Maia e Onyx Lorenzoni
O deputado Rodrigo Maia e o ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, durante sessão de posse dos Deputados Federais para a 56ª Legislatura. (Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil)

“A gente tem uma expectativa de, se nada mudar, que a gente possa até quinta-feira votar relatório da reforma da Previdência na comissão, deixar o projeto pronto para o plenário da Câmara dos Deputados para votar na primeira ou segunda semana de julho”, afirmou ele num podcast publicado em sua conta no Twitter.

Ele também disse que gostaria de ter o apoio explícito dos governadores à
inclusão dos Estados na reforma da Previdência para que os governos locais também possam apresentar economia com as despesas previdenciárias, a exemplo do que ocorrerá com o governo federal caso a reforma seja aprovada.

“Não que todos os partidos estejam caminhando para votar, mas tem
governadores de partidos que votam contra que tem um encaminhamento a favor da reforma, e [gostaria] que isso possa ficar explícito nas suas declarações e nos votos dos seus deputados”, disse ele.

O parecer do deputado Samuel Moreira (PSDB-SP) sobre a reforma da
Previdência removeu uma provisão que permitia adotar as mesmas regras que serão introduzidas às aposentadorias do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) aos regimes previdenciários das administrações estaduais e municipais, de forma a aumentar o apoio ao projeto.

No entanto, ainda há chances de esse dispositivo retornar ao texto antes da votação em plenário.

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com