China sempre tenta mudar o acordo para seu próprio benefício, diz Trump

Por Carolina Pulice

São Paulo – O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, disse que a negociação comercial com a China pode se tornar ainda mais dura se o governo do país asiático decidir esperar as eleições presidenciais do próximo ano, no mesmo dia em que representantes comerciais de ambos os países se encontram em Xangai para discutir um acordo comercial.

“A China está indo muito mal, o pior ano em 27 – e deve começar a comprar nossos produtos agrícolas agora – não há sinais de que eles vão fazer isso. Este é o problema com a China, eles simplesmente não vão adiante. Nossa economia se tornou muito maior do que a economia chinesa nos últimos três anos”, disse em seu Twitter.

“Meu time está negociando com eles agora, mas eles sempre mudam o acordo no fim para seu próprio benefício. Eles provavelmente deveriam esperar pelas nossas eleições para ver se um democrata com o sonolento Joen [Biden] venceria”, completou, dizendo ainda que se os democratas vencessem, eles teriam um “ótimo acordo, como o dos últimos 30 anos, e continuariam a explorar os Estados Unidos”.

“O problema de eles esperarem é que, se eu quando eu ganhar, o acordo vai se tornar mais duro do que está sendo negociado agora…ou nenhum acordo sequer. Nós temos todas as cartas, nossos últimos líderes não conseguiram”, afirmou.

Os representantes comerciais norte-americanos viajaram a Xangai nesta terça-feira, para retomar as negociações comerciais que estão interrompidas desde maio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com