China fará lista de empresas estrangeiras não confiáveis

Porta-voz do Ministério do Comércio da China. (Foto: Divulgação/Ministério do Comércio da China)

Por Cristiana Euclydes

São Paulo – A China planeja criar uma lista de empresas estrangeiras e outras entidades que o governo considera não confiável, cerca de duas semanas após os Estados Unidos colocarem a empresa chinesa Huawei em uma lista negra, impedindo-a de fazer negócios com companhias norte-americanas.

“Empresas estrangeiras, organizações e indivíduos que falharem em cumprir regras do mercado, que desviarem de contratos e impuserem um bloqueio ou confisco de empresas chinesas para fins não comerciais, que prejudicam seriamente os direitos e interesses das empresas chinesas, serão incluídas na lista de entidades não confiáveis”, disse o porta-voz do Ministério do Comércio da China, Gao Feng, em coletiva de imprensa.

“Medidas específicas serão anunciadas no futuro”, disse o porta-voz, sem dar mais informações sobre quais tipos de entidades seriam colocadas na lista e quais seriam as consequências ou punições aplicadas às entidades listadas.

O porta-voz disse ainda que o desenvolvimento econômico global atualmente é incerto e fatores instáveis protecionismo comercial estão em ascensão”, afirmou. Segundo Gao, empresas estrangeiras prejudicam os interesses de companhias chinesas e ameaçam a segurança nacional e os interesses do país, o que tem um impacto negativo na economia global.

O anúncio vem cerca de duas semanas após o Departamento de Comércio dos Estados Unidos colocar a Huawei e suas afiliadas em uma lista negra, exigindo que empresas norte-americanas tenham uma licença especial, difícil de conseguir, para exportar tecnologia à Huawei, aumentando as tensões comerciais entre Washington e Pequim.

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com