Chefe do Fed de Saint Louis defende patamar atual de juros nos EUA

O presidente da regional de Saint Louis do Federal Reserve, James Bullard. (Divulgação/Fed de Saint Louis)

São Paulo – O presidente da unidade do Federal Reserve (Fed, o banco central norte-americano) de Saint Louis, James Bullard, defendeu o atual patamar da taxa de juros nos Estados Unidos, estabelecida na faixa entre 2,25% e 2,50% ao ano.

“A campanha foi bem-sucedida: a taxa de juros foi elevada de níveis próximos de zero, e o tamanho do balanço do Fed foi reduzido com a continuidade da expansão econômica”, afirmou Bullard em texto preparado para evento em Mississippi.

Segundo ele, a recente decisão do Fed fazer uma pausa do aumento de juros e o plano de manutenção do balanço marcam o fim da tentativa de normalizar a política monetária e é apropriado estar neste ponto.

O chefe do Fed de Saint Louis afirmou ainda que as decisões futuras dependerão do desempenho da economia. “O comitê de política monetária pode optar por ajustar a política monetária, mas esses ajustes serão em resposta aos dados e não fazem parte de uma estratégia de normalização”, acrescentou.

No início do ano, o Fed indicou que seria paciente nos ajustes monetários para avaliar melhor o ambiente interno e externo diante de um aumento acentuado da volatilidade do mercado financeiro e da fragilidade econômica na China e na Europa, que poderia exercer um impacto negativo sobre a performance norte-americana.

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com