Boris Johnson defende novo acordo comercial com União Europeia

Por Carolina Pulice

Primeiro-ministro do Reino Unido, Boris Johnson. Foto: Divulgação/ Boris Johnson

São Paulo – O primeiro-ministro do Reino Unido, Boris Johnson, afirmou que o país precisa de um novo acordo comercial com a União Europeia (UE), além de parcerias com o bloco, no mesmo momento em que se decide o processo de separação – conhecido como Brexit.

“O que precisamos de verdade é construir uma nova parceria de todas as coisas que importam para nós, compartilhando a cooperação em defesa, segurança, inteligência, colaboração cultural e científica, tudo que se espera”, disse em entrevista ao jornal “Express”.

“No centro de tudo [precisamos de] um novo acordo comercial que nos permita a tomar o controle de volta de nossas tarifas e regulações e fazer coisas diferentes do que queremos”, completou.

Johnson assumiu o cargo na semana passada. Durante a campanha para sua eleição, o ex-prefeito de Londres ficou conhecido por demonstrar um posicionamento mais radical em relação ao Brexit. No seu discurso de posse, Johnson disse que entregaria o divórcio “com ou sem acordo”.

Nesta manhã, ele disse que o acordo de saída – elaborado entre a ex-primeira-ministra britânica, Theresa May, e o bloco europeu – estava “morto”. “O que queremos fazer é deixar absolutamente claro que a solução backstop não é boa, está morta, pronta para ir embora. O acordo de saída está morto, tem que ir embora. Mas há espaço para um novo acordo”, disse.

Para Johnson, a solução backstop – um sistema que evitaria uma fronteira física entre a Irlanda do Norte, território britânico, e a República da Irlanda, integrada a UE – deve ser eliminada da negociação.

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com