Banco central da Turquia mantém juros em 24% ao ano

Por Cristiana Euclydes

São Paulo – O banco central da Turquia manteve a taxa de juros de referência do país em 24% ao ano, como esperado pelo mercado, e disse que pode revisar sua decisão com base nos dados, deixando a porta aberta para um afrouxamento monetário. A lira subiu ante o dólar após o anúncio.

Foto: FreeImages.com/ Borge Bjelland

“A evolução das condições de demanda doméstica e a política monetária restritiva apoiam a desinflação. A fim de conter os riscos para o comportamento de preços e reforçar o processo de desinflação, o Comitê decidiu manter a postura firme de política monetária”, de acordo com o banco, em comunicado.

“Deve-se enfatizar que quaisquer novos dados ou informações podem levar o Comitê a rever sua posição”, segundo o comunicado. A taxa de inflação anual da Turquia caiu de 19,7% em abril para 18,7% em maio, registrando seu menor nível em nove meses.

O banco central turco afirmou ainda que dados divulgados recentemente mostram que a tendência de reequilíbrio na economia continuou. “A demanda externa mantém sua força relativa, enquanto a atividade econômica mostra um ritmo lento, em parte devido às condições financeiras apertadas”.

Para o economista da Capital Economics, Jason Tuvey, apesar da desaceleração na inflação, “provavelmente haverá escopo limitado para o afrouxamento de política [monetária] este ano”, uma vez que a política monetária da Turquia é altamente dependente do que acontece com a lira.

“A moeda se recuperou recentemente, mas ainda há uma série de pontos de tensão no horizonte, incluindo a nova disputa da eleição para prefeito de Istambul neste mês e aumento nas tensões geopolíticas”, disse ele.