Balança comercial tem saldo de U$$ 696 mi na 2ªsemana de julho

Por Priscilla Oliveira

Brasília -A balança comercial brasileira registrou superávit de US$ 696 milhões na segunda semana de julho, encerrada no domingo (14) refletindo US$ 4,226 bilhões em exportações e US$ 3,531 bilhões em importações, de acordo com dados do governo. A média diária de exportações no período foi de US$ 845,3 milhões, enquanto a de importações atingiu US$ 706,2 milhões.

No acumulado de 2019 até ontem, o superávit comercial brasileiro soma US$ 27,895 bilhões, resultado 13,5% menor que o observado no mesmo período do ano passado. Foram US$ 118,609 bilhões em exportações e US$ 90,714 bilhões em importações.

A média diária das exportações até a segunda semana de julho caíram 14,4% em relação à média do mesmo período do ano passado. Houve queda nas vendas de produtos básicos (18,5%) e manufaturados (11%). No caso dos semimanufaturados houve alta de 5,1%.

No caso dos básicos houve queda nas vendas de petróleo em bruto, minério de cobre, soja em grãos, farelo de soja, carne bovina e de frango. Para os manufaturados a queda ocorreu em partes de motores e turbinas para aviação, tratores, veículos de carga, óleos combustíveis, automóveis de passageiros).Para os semimanufaturados houve alta nas vendas de zinco em bruto, alumínio em bruto, catodos de cobre, ouro em formas semimanufaturadas, açúcar de cana em bruto.

Nas importações, a média diária até segunda semana de julho teve queda de 18,1% ante a média registrada no mesmo período do ano passado, com o queda nas compras de cobre e obras (-24,0%), cereais e produtos da indústria de moagem (-22,6%), veículos automóveis e partes (-21,7%), siderúrgicos (-18,3%) e combustíveis e lubrificantes (-3,0%).

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com