Atividade de serviços da eurozona acelera em novembro

05/12/2017 08:59:06

Por: Cristiana Euclydes / Agência CMA

(Foto: Mighty June/Flickr)

São Paulo – O índice dos gerentes de compras (PMI, na sigla em inglês) sobre a atividade do setor de serviços da zona do euro subiu para 56,2 pontos em novembro, após registrar 55 pontos em outubro, segundo dados revisados do instituto de pesquisas IHS Markit. A leitura preliminar havia mostrado dado idêntico.

Números acima de 50 pontos sugerem expansão da atividade, enquanto valores menores apontam contração. O PMI composto, que agrega dados do setor de serviços e do segmento industrial, subiu para 57,5 pontos em novembro, após os 56 pontos de outubro, também confirmando a versão preliminar.

Os novos negócios continuaram a crescer em novembro, incentivado a criação de emprego – que subiu para o maior nível em pouco mais de dez anos. As maiores taxas de produção no setor de serviços foram vistas na França e na Itália.

“Os dados da pesquisa sugerem que as empresas da zona do euro até agora não foram afetadas pela incerteza política em muitos países, em especial Alemanha e Espanha”, disse o economista-chefe do IHS Markit, Chris Williamson. “Até agora, o fortalecimento do euro também não mostrou nenhum impacto claro nas exportações”.

Ainda segundo ele, as grandes questões para o ano que vem serão por quanto tempo esse surto de crescimento pode ser sustentado e se as pressões de preços aumentarão.

Edição: Pâmela Reis (pamela.reis@cma.com.br)

Deixar um comentário