Após estabilidade, Petrobras volta a aumentar o preço da gasolina

25/07/2018 14:35:44

Por: Wilian Miron / Agência CMA

Bomba de combustível

Bomba de combustível. (Foto: Marcos Santos / USP Imagens)

A Petrobras aumentou o preço médio do litro da gasolina A sem tributos para R$ 1,9502 (+0,39%), comercializados nas refinarias a partir de amanhã, após dois de estabilidade em R$ 1,9426, enquanto o preço do litro do diesel A está em R$ 2,0316 desde o dia 1º de junho, em linha com o programa de subvenção do governo.

Ontem, o contrato do petróleo tipo Brent, com entrega para o setembro, e levado em consideração na hora de formar o preço dos combustíveis, avançou 0,52%, a US$ 73,44 o barril; enquanto o dólar, que também compõe o cálculo, caiu 1%, cotado a R$ 3,7460 para venda.

De acordo com a estatal, a formação do preço leva em consideração a média nacional dos preços à vista, sem encargos, praticados nos diversos pontos de venda, que variam ao longo do território nacional, para mais ou para menos em relação à média.

A Petrobras informou ainda que os preços dos derivados são atrelados aos mercados internacionais e podem variar diariamente, como outras commodities, podendo haver manutenção, redução ou aumento nos preços praticados nas refinarias.

Edição: Leandro Tavares (leandro.tavares@cma.com.br)

Deixar um comentário