Apenas 16% dos brasileiros pouparam dinheiro em fevereiro, diz SPC Brasil

15/05/2018 18:02:55

Por: Flavya Pereira / Agência CMA

São Paulo – Em fevereiro, apenas 16,4% dos brasileiros pouparam dinheiro, segundo levantamento do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e da Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL). O percentual é o menor da série histórica do índice, iniciada em dezembro de 2016. No mês, 73% dos consumidores não conseguiram guardar qualquer quantia. Em média, o valor poupado foi de R$ 498,81.

A dificuldade para poupar é baixa até mesmo entre os brasileiros de renda mais elevada. Considerando os consumidores que possuem rendimentos compatíveis às classes A e B, pouco mais de um terço (36%) conseguiu guardar dinheiro em fevereiro. Nas classes C, D e E, o percentual de poupadores foi menor (11%).

A economista-chefe do SPC Brasil, Marcela Kawauti, diz que o momento econômico segue limitando as finanças dos brasileiros, mas chama a atenção para o hábito pouco frequente do brasileiro de não poupar. “Nem sempre está relacionado ao tamanho da renda”, pondera. O levantamento revela que 42% declaram que ter baixa renda impede que poupem dinheiro.

De acordo com a pesquisa, 34% afirmaram ter o hábito regular de poupar, sendo que 10% deles estipulam o valor a ser poupado e 24% guardam o que sobra do Orçamento.

Em relação aos investimentos mais procurados pelos poupadores, 60% recorrerem à poupança, enquanto 22% dizem deixar o dinheiro em casa e 16% deixam em conta corrente. Entre outras opções, 8% aplicam em fundos de investimentos, 7% na Previdência privada, 6% em Certificado de Depósito Bancário (CDB), 4% no Tesouro Direto e apenas 2% investem no mercado de ações.

Deixar um comentário