Ações operam estáveis no início da tarde; dólar e juros sobem

13/09/2017 14:00:35

Por: Redação / Agência CMA

São Paulo – Após ter renovado os recordes intradiário e de fechamento ontem, o Ibovespa opera praticamente estável no início da tarde, aos 74.548 pontos, com investidores digerindo a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) de autorizar a abertura de um novo inquérito contra o presidente Michel Temer.

A Procuradoria-Geral da República (PGR) afirmou que Temer teria recebido propina em troca da edição de um decreto sobre portos para atender a pedidos da empresa Rodrimar. O receio do mercado é de que a investigação contra o presidente desvie as atenções do governo das reformas econômicas – em particular da reforma da Previdência, que ainda aguarda aprovação da Câmara dos Deputados.

“Depois que Barroso [Luís Roberto, ministro do STF] aceitou o inquérito contra Temer ontem, o humor da Bolsa já mudou”, disse a analista de investimentos Bruna Moura, da Toro Radar. “Estamos vendo o cenário político voltar a interferir”.

Os investidores também aguardam o depoimento do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva ao juiz federal Sérgio Moro a respeito das acusações de recebimento de propinas da Odebrecht. As acusações foram corroboradas na semana passada pelo ex-ministro da Fazenda Antonio Palocci. Ele disse que Lula e Dilma Rousseff sabiam do esquema de propina.

No mercado de câmbio, o dólar comercial subia 0,47% no pregão à vista, a R$ 3,1440 para a venda, enquanto o contrato futuro da moeda avançava 0,54%, para R$ 3.1485.

Entre os juros, as taxas continuam em baixa diante da perspectiva de redução da Selic nos próximos meses, conforme a sinalização do Comitê de Política Monetária (Copom). A taxa do contrato de Depósito Interfinanceiro (DI) para janeiro de 2018 caía a 7,62%, de 7,64% no ajuste de ontem; a taxa para janeiro de 2019 recuava a 7,61%, de 7,64%; e o DI para janeiro de 2021 projetava taxa de 9,01%, de 9,02% no último fechamento.

Edição: Gustavo Nicoletta (g.nicoletta@cma.com.br)

Deixar um comentário