Ações e dólar caem no início da tarde; juros sobem

13/06/2018 13:58:40

Por: Redação / Agência CMA

São Paulo – O Ibovespa opera em baixa de 0,53%, aos 72.362 pontos, refletindo a cautela do mercado antes do anúncio da decisão de política monetária do Federal Reserve (Fed, o banco central norte-americano).

A expectativa é de que a instituição aumente a taxa básica de juros dos Estados Unidos em 0,25 ponto porcentual e investidores estarão atentos a qualquer sinal de mudança na trajetória esperada para a taxa nos próximos meses.

“Os investidores querem saber se haverá um aumento maior nos próximos meses, e isso gera uma cautela maior neste momento”, disse o analista da Terra Investimentos, Régis Chinchila.

Um aperto monetário mais intenso que o esperado pode ajudar a fortalecer o dólar, que vem apresentando grande volatilidade no mercado local e cuja alta tem sido contida por intervenções do Banco Central no mercado de câmbio.

O destaque de queda no pregão era das ações da BRF (BRFS3 -5,07%) após a companhia informar ontem que desativará a linha de produção de perus na unidade de Mineiros (GO) devido à falta de mercados para exportar os produtos.

No mercado de câmbio, o dólar comercial recuava 0,45%, a R$ 3,6940 para a venda, pressionado pelas intervenções do Banco Central. A instituição colocou 40 mil contratos de swap cambial tradicional – que contribuiu para a queda do dólar – no mercado pela manhã e agora, no início da tarde, anunciou a oferta de mais 30 mil contratos do tipo.

Entre os juros, o DI para janeiro de 2019 tinha taxa de 7,165%, de 7,14% no fechamento de ontem; o DI para janeiro de 2020 estava em 8,76%, de 8,68%; e o DI para janeiro de 2021 projetava taxa de 9,82%, de 9,77%, na mesma comparação.

Edição: Gustavo Nicoletta (g.nicoletta@cma.com.br)

Deixar um comentário