Ações da Embraer disparam após aval de Bolsonaro para fusão com Boeing

11/01/2019 11:04:45

Por: Danielle Fonseca / Agência CMA

Embraer

Jato E190-E2 da Embraer (Divulgação/Embraer)

São Paulo – As ações da Embraer disparam na abertura da bolsa hoje e sobem mais de 7% com o aval do presidente Jair Bolsonaro à fusão da empresa com a Boeing, após receber sinalização de integrantes da aeronáutica de que a proposta final da companhia norte-americana preserva a soberania e os interesses nacionais.

As ações também refletem a recomendação de corretoras e bancos, como do BTG Pactual, que reiterou a recomendação de compra para os papéis com a notícia.

“Apesar de as probabilidades de aprovação já fossem consideradas altas, essa notícia ainda é positiva já que é um marco histórico (com significativo redutor de risco para a conclusão da operação) e porque alguns investidores ficaram preocupados com comentários sugerindo que o governo poderia mudar os termos do acordo”, disseram os analistas do BTG, em relatório.

Em entrevista na semana passada, o presidente havia dito que os termos poderiam ser revistos, mas voltou atrás ao dar o aval à transação ontem à noite.

O BTG ainda destaca que os próximos passos são a aprovação dos acionistas e as aprovações antitruste em várias jurisdições. Com isso, a expectativa é que a transação seja concluída no final de 2019.

Às 11h01 (horário de Brasília), as ações (EMBR3) avançavam 7,14%, a R$ 22,49, e registravam a maior alta do Ibovespa no momento, que recuava 0,26%, aos 93.553,23 pontos.

Deixar um comentário